Para Contato: Clique na foto abaixo.

O PRINCÍPIO

O PRINCÍPIO
No inicio eram os monemas e os sons livres ou fonemas vocálicos que vagavam pelo ar.
Não tinham forma. Então o gramático disse: ¬_ façam-se as representações gráficas dos fonemas e os chamaremos de letras. Assim foram feitas as letras.
E os antigos utilizaram-se de sinais gráficos e depois das letras.
Vamos ordená-las, disse o gramático. A essa ordenação chamaremos de alfabeto.
E aos sons livres do alfabeto chamaremos de vogais, e essas vogais dominarão as demais letras. Porque sem elas, nenhuma palavra poderá ser formada.
As vogais se juntarão às consoantes, que formarão as silabas e a união dessas formarão as palavras. E o gramático viu que isso era bom.
As palavras juntar-se-ão às outras palavras e formarão as frases e as orações.
Tudo isso para que haja uma melhor compreensão das coisas.
Disse o gramático: _Que as palavras se multipliquem e formem inúmeras famílias pelo mundo. Que elas também nasçam, vivam e morram, tenham novos sentidos, usos e formas e povoem toda a terra.
Fonte:
ITAIR - http://recantodasletras.uol.com.br/gramatica/2144244

Nenhum comentário:

Postar um comentário